Biotecnologia para o controle de macrófitas

As macrófitas aquáticas são um grande problema nos reservatórios de hidrelétricas. Elas são espécies naturais desses ambientes, mas a eutrofização (o aumento da matéria orgânica da qual elas se alimentam no reservatório) leva a um aumento descontrolado do número de indivíduos. Sem ferramentas eficientes de controle dessa expansão, estamos buscando na biotecnologia uma alternativa para o controle. Queremos desenvolver vacinas de DNA, com a transfecção transiente de vírus atenuados que impeçam o crescimento e a reprodução das macrófitas. O primeiro passo para isso é o sequenciamento do seu genoma.